Sobre a polêmica dos 65%

(Não Aguento Quando)
 Eu não sei vocês, mas a Timeline do meu Facebook está lotada de posts relacionados a recente e polêmica pesquisa: 65% dos brasileiros acreditam que mulher de roupa curta merece ser atacada. A pesquisa foi realizada pelo Ipea, baseando-se em 3.810 pessoas em 212 municípios. Lógico que isso gerou uma onda de revolta entre muitas feministas, muitas tirando fotos com cartazes dizendo: não mereço ser estuprada. Ta, mas e dai? Eu digo o que está me irritando, não é nem os dados da pesquisa, não esperava algo de bom mesmo, mas sim a onda de pessoas machistas reclamando das pessoas que se revoltaram com os dados. Simplesmente um bando de babacas, isso mesmo, babacas machistas estão contaminando as redes sociais com textos sem fundamentos. Veja alguns pontos:

- Se feminista lutasse por direitos iguais, lutaria pelo fim do alistamento obrigatório para homem
- Algumas mulheres são tão feias que ser estuprada é um favor a elas
- Há estupros com homens, por que não ligam para isso?
- Vocês estão exagerando

 É sério mesmo isso? Tipo, existem pessoas que realmente pensam assim? Às vezes começo achar que não sou humana, e sim um unicórnio, pois seres humanos parecem estar desprovidos de empatia. Sabem, são quatro frases tão ditas por tantos e tão nojentas, eu nem queria chegar ao ponto de fazer um texto sobre isso, muito menos um post, mas parecem que as pessoas estão ficando mais burras. Agora vou responder esses "argumentos":

- Nós temos questões mais sérias para resolver do que a porcaria do seu alistamento, a violência contra a mulher é muito mais importante. Nós concordamos que não deve ser obrigatório, mas entenda que nós temos mulheres morrendo todos os dias por homens ciumentos, estupradores e machistas, entenda que isso é pior

- Ser estuprada é o maior trauma que uma pessoa pode levar na vida. Você já viu alguma mulher falar abertamente que foi estuprada? Com certeza não. Pessoalmente, prefiro morrer a ser estuprada. Tenho a felicidade de nunca ter sofrido esse crime, mas todos os dias leio relatos de vítimas de estupro. Leia você também para ter uma mínima noção de como é. E outra: a vida não é só sexo, temos outras coisas tão importantes quanto ou até mais para fazer, e nem todas as mulheres são heterossexuais

- Nós ligamos sim, mas você vê notícias de estupros cuja vítima seja homem a cada cinco minutos em jornais? Pois é, há muito mais mulheres sendo estupradas a todo momento do que homens. Isso sem falar que nossa sociedade possui a chamada "cultura do estupro"

- Eu respondo com essa tirinha da página Tailor, uma grande artista de tirinhas no Facebook:


 Agora alguns dados para vocês:

- Uma em 14 mulheres já foi (ao menos uma vez) vítima de abuso sexual por alguém que não era seu parceiro
- 70% das mulheres do mundo sofrem algum tipo de violência ao longo da vida
- Mulheres entre 15 e 44 têm mais chance de morrerem estupradas e espancadas do que câncer ou acidente de carro
- SUS atende 2,6 mais mulheres vítimas de violência do que homens
- A violência contra a mulher aumentou 200% nas últimas três décadas, sendo 40% causadas por companheiros das vítimas

Fontes:
http://www.brasilpost.com.br/2014/02/12/abuso-sexual-mulher_n_4773869.html?ref=topbar
http://www.cartacapital.com.br/sociedade/sus-atende-26-vezes-mais-mulheres-vitimas-de-violencia-do-que-homens
http://noticias.band.uol.com.br/jornaldaband/videos/2014/03/19/14962078-numero-de-mulheres-mortas-cresce-200.html

 E como imagens valem mais que mil palavras:


 Agora acho que já deu pra entender, né? Uma vez, li um relato de um homem que amava tanto sua mulher e queria entender o sofrimento que temos todos os dias só por nascermos mulher, então ele se vestiu com as roupas da esposa durante um dia inteiro, no final ele disse "eu sofri muito preconceito, mas acho que os homens nunca serão capazes de entender completamente o que as mulheres enfrentam todos os dias". A frase dele não podia ser mais clara, mas por favor, homens e mulheres (pois existem mulheres machistas sim), tentem se colocar no lugar de toda essa situação.

Um comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...